segunda-feira, 1 de julho de 2013

Basta!

Basta imaginarmos a felicidade
Para que, em um segundo, ela surja
Basta imaginarmos o amor
Para que, do nosso coração, ele não fuja
Basta ter uma coroa para ser rei
Uma aliança para ser noiva e uma caneta
Para assinar lei
Basta ter o prato para saciar a fome
Ser linda como as loiras e possuir carro do ano
Para ter um nome
Basta!

Basta de falsidade, basta, basta!
Basta de viver um mundo que o mundo é
Mas não quer ser

Basta imaginarmos a paz
Para que, como uma pomba, voe livre
Basta imaginarmos o amor
Para que, em nosso coração, ele fique
Basta ter uma cruz para deixar de ser pecador
Câmeras para ter liberdade e dinheiro
Para ter o verdadeiro amor
Basta!

Basta de falsidade, basta, basta!
Basta de viver um mundo que o mundo é
Mas não quer ser


Vinni Corrêa
24 de novembro de 2006


Nenhum comentário:

Postar um comentário