segunda-feira, 1 de julho de 2013

Poder Paralelo

Entre os grilhões desse sistema de consumo
E as abarrotadas penitenciárias de narcotraficantes,
a violência e a miséria,
Há muito mais pontos em comum
Do que qualquer reta que traçarmos neste plano minguante
As Leis constituídas legalmente
São Ilegalmente forjadas
Por membros do poder político e econômico em suas alçadas
Em conjunto com suas ações fora do corpo eminente
Não são poderes concorrentes
Mas um é do outro a sua fachada
E em cada ponto de cada reta formam-se as ninhadas
Que neste plano se cruzam incessantemente
E ainda chamam-no de poder paralelo
Porém é o elo de um verdadeiro círculo vicioso



Vinni Corrêa
30 de julho de 2006

George Grosz - Os Pilares da Sociedade

Nenhum comentário:

Postar um comentário