sexta-feira, 5 de julho de 2013

Ser Fascinante

Diz-se que o ser humano fascina-se pelo o que é proibido.
Há de proibir o amor para que fascine os homens?

Alguns querem legalizar o que é proibido.
E perder o fascínio?

Não consigo compreender esse ser fascinante.
Mas quem há de compreender
Se o próprio indivíduo não compreende a si mesmo.

Vinni Corrêa
02 de fevereiro de 2008

Jeffrey Michael Harp - The Victorian Surrealism

Nenhum comentário:

Postar um comentário